Empreendedor e hoteleiro: Guilherme Paulus investe mais que só em hotéis

O empresário brasileiro especialista em hotelaria e turismo Guilherme Paulus tornou-se um dos líderes do setor de lazer mais respeitados do mundo.

As razões por trás da ascensão do líder da indústria são muitas, mas a sua vontade de trabalhar em uma variedade de áreas diferentes e explorar as opções abertas para suas empresas em diferentes partes do mundo podem ser vistas como os principais motivos para tanto sucesso.

Embora ele seja hoje um dos principais hoteleiros do mundo, Paulus também chegou a investir em várias áreas da indústria, incluindo companhias aéreas e excursões.

A carreira de Guilherme começou no início dos anos 1970, quando ele estava explorando as diferentes opções disponíveis para ele no auge dos seus 20 anos. O principal obstáculo para os planos do ex-estagiário da IBM foi a falta de financiamento para o seu sonho de entrar na indústria do turismo.

Um funcionário do governo local, Carlos Vicente Cerchiari, foi um apoiador voluntário do grupo da CVC, que abriu a sua primeira loja na comunidade brasileira de Santo André.

Apenas quatro anos depois, Carlos Vicente Cerchiari se afastou e permitiu a Guilherme Paulus assumir o controle total da CVC e transformá-la na empresa de turismo de renome internacional que conhecemos hoje e tanto ouvimos falar.

Ao longo da vida da empresa CVC, Guilherme Paulus esteve e ainda está disposto a olhar para fora do que muitos chamariam de sua zona de conforto de investimento.

Prova disso é que um dos primeiros investimentos feitos por Paulus fora da CVC foi a compra da companhia aérea Webjet, adquirida com uma única aeronave. Quando Paulus concluiu o seu trabalho com a Webjet apenas cinco anos após a sua compra em 2006, a companhia aérea já era a terceira maior de todo o Brasil.

No entanto, mesmo com toda essa grande disposição em criar novas cadeias de hotéis para turistas nacionais e estrangeiros, em nenhum momento o empresário deu as costas à marca CVC.

Enquanto muitos de seus rivais se mudaram para uma plataforma de vendas baseada na web, o empresário permaneceu dedicado ao uso de lojas em shoppings recém-construídos em todo o Brasil e em grandes cidades ao redor do mundo.

O tráfego de pedestres que passam pelas lojas da CVC continua sendo uma das principais razões para a construção de uma fortuna pessoal de mais de 1 bilhão de dólares em sua carreira de cinco décadas.

Outras conquistas do empreendedor e hoteleiro Guilherme Paulus

Por meio dos esforços de Paulus, a empresa CVC é considerada nos dias de hoje como a melhor empresa de turismo de todo o Brasil e de outros países também, como o Caribe, os Estados Unidos e, inclusive, dos continentes da América do Sul e da Europa.

A empresa de renome mundial tem, hoje, cerca de 30 mil parceiros de negócios na indústria do turismo e da hotelaria, como algumas transportadoras marítimas e terrestres, algumas companhias aéreas e alguns hotéis também.

O esforço de expansão do empresário Guilherme Paulus teve um efeito muito positivo na economia das localidades citadas anteriormente, pois foi capaz de desenvolver negócios em vários locais e fornecer também emprego a muitas e muitas pessoas.

Paulus igualmente já recebeu muitos prêmios, incluindo títulos honrosos no Brasil e em outros países por causa de sua imensa contribuição para a indústria do turismo.

Com título de “Empreendedor do Ano”, Guilherme Paulus pretende novo empreendimento de luxo

Com o nome já consagrado no setor hoteleiro, eis que, recentemente, Guilherme Paulus anunciou a intenção de criar mais um super empreendimento no ramo. Ele, que é, além de membro do Conselho da CVC Corp, também presidente da GJP Hotels e Resorts, pretende inaugurar nada mais nada menos que um hotel de luxo, na avenida Cidade Jardim, em São Paulo Capital. Até onde se sabe, o local já estaria mesmo definido, posto que já foi comprado pelo referido empresário, sendo então o escolhido um icônico prédio onde encontrava-se, antes da aquisição, a agência de publicidade DPZ.

A previsão para a entrega, no entanto, não está tão próxima, até porque as obras ainda nem começaram. Ao que sabemos, o novo empreendimento de Guilherme Paulus deve vir a ser concluído lá para o ano de 2020 ou de 2021. Nem tanto tempo assim, se considerarmos suas dimensões, ao menos baseados no que já foi divulgado e, cremos, será cumprido: ao todo, contará o hotel com 65 apartamentos, fora rooftop e espaço para eventos, além, é claro de um belo restaurante. Já quanto à bandeira que terá esse luxuoso empreendimento, ainda não se sabe ao certo, porém, ao que tudo indica, há a probabilidade maior de Guilherme Paulus criar, a partir desse, uma nova marca no grupo GJP. E com essa nova marca, além de contemplar São Paulo, é provável que seja igualmente contemplado o Rio de Janeiro.

https://www.facebook.com/guilhermejesuspaulus

Por enquanto, para quem não sabe, os principais empreendimentos, padrão hotel de luxo, que tem a GJP, localizam-se na região da Serra Gaúcha. Podemos citar dois bons exemplos disso: o Saint Andrews Gramado, um castelo que localiza-se dentro de um condomínio particular no centro da cidade de Gramado, contando com 19 suítes ao todo; e o Wish Serrano Resort, este também na cidade de Gramado, resort padrão 5 estrelas, só que localizado bem às margens da tradicional Avenida das Hortênsias, e contando com incríveis 200 apartamentos, todos cercados por um bosque natural de araucárias. E fora o que já foi citado até aqui, vale citar também outras duas marcas que pertencem ao mesmo grupo de Guilherme Paulus, a fim de curiosidade: a Prodigy e a Linx.

Citadas as marcas do Grupo GJP e alguns de seus empreendimentos mais conceituados no segmento da hotelaria, fora o principal do qual tratamos, cabe observar uma notória conquista meritocrática desse empresário por trás de tantos hotéis, resorts etc.: Guilherme Paulus foi capa da Revista IstoÉ Dinheiro, ao fim do ano passado, 2017. Mas não apenas nisso consiste o fato, é claro, posto que a referida publicação o apontou como sendo o “Empreendedor do Ano”, dentro do setor de Serviços, mais especificamente. A justificativa para tal nomeação, dada pela própria IstoÉ Dinheiro, foi de um reconhecimento de todo o seu trabalho desenvolvido no segmento turístico nacional. E de tal modo, após a publicação ir para as bancas de revista, eis que o empresário, junto com outros empreendedores de notório reconhecimento em seus respectivos segmentos, foi então premiado pela mesma IstoÉ, durante a noite do dia 5 de dezembro do mesmo ano, uma terça-feira, em São Paulo capital.

Guilherme Paulus: um dos maiores nomes do turismo ganha mais uma vez o Oscar do setor

Gerenciar um negócio com sucesso nunca é fácil. É uma daquelas tarefas que parecem fáceis no papel, mas muito difíceis na prática. Isso tanto é verdade que estima-se que a maioria dos novos negócios falhe nos primeiros anos de iniciação.

Guilherme Paulus, no entanto, parece ser um ponto fora da curva. Paulus não só construiu uma empresa multibilionária no setor de turismo e hospedagem, como também é hoje um dos homens de negócios mais bem sucedidos neste campo em toda a América Latina.

Em 1972, o executivo criou a CVC, que atualmente, além de ser uma sucedida companhia de capital aberto da Bolsa de Valores de São Paulo, também é a maior operadora de turismo de todo o continente latino-americano.

Mas a carteira de negócios de Guilherme Paulus não para por aí. O executivo também possui outras duas empresas, e ambas levam as iniciais de seu nome (Guilherme de Jesus Paulus): são elas a GJP Hotels & Resorts e a GJP Construtora e Incorporadora.

Enquanto a primeira foca-se em projetar condomínios residenciais de alto padrão em áreas de grande turismo; a segunda concentra-se em gerir, atualmente, catorze resorts e hotéis no Brasil, sendo por isso reconhecida como uma das maiores redes hoteleiras que se dedica a eventos e ao lazer no país.

No dia 15 de setembro de 2018, mais uma vez a GJP Hotels & Resorts de Guilherme Paulus recebeu o Oscar do turismo mundial.

Estamos falando do World Travel Awards, que em sua 25ª edição premiou o resort da bandeira Wish, em Foz do Iguaçu, no estado do Paraná, que é administrado pela GJP Hotels & Resorts, com o título de “Melhor Resort para Famílias da América do Sul”.

Em 2016, esse mesmo resort recebeu outra premiação do World Travel Awards, dessa vez a de “Melhor Resort do Brasil”. Mas, talvez vocês estejam pensando… o que esse resort tem de tão especial para receber por duas vezes o maior prêmio do turismo mundial?

Para começar, 225 hectares com adega, pista de cooper, sauna, arvorismo, parede de escalada, trilhas, jacuzzis, salão de beleza, sete piscinas (de crianças e adultos), um campo de golfe profissional, um dos maiores clubes infantis do país e três restaurantes: um de culinária italiana, um argentino e um que serve almoço, buffet de jantar e café da manhã.

Como se não bastasse tudo isso, Guilherme Paulus também costuma presentear os seus hóspedes com vários eventos, dentre eles o “Sabores do Mundo”, uma programação de culinária que envolve a gastronomia de diversos países homenageados ao longo do ano todo em eventos temáticos sazonais.

E se você pensa que, para Guilherme Paulus, ganhar o Oscar do turismo por ter estabelecimentos assim, tão bem estruturados, já é o suficiente, você está redondamente enganado.

Em 2020 e em 2021, Paulus tem o objetivo de lançar mais um hotel de luxo no país. O projeto aponta que o empreendimento ficará localizado na cidade de São Paulo e deverá contar com 65 apartamentos, espaço para eventos, rooftop e restaurante.